Buscar
  • Henrique Correia

ACIF vai receber 6.3 milhões em 2021 para testes a madeirenses e a turistas


Para 2022 transitam 450 mil euros do montante total do contrato-programa.




O Governo Regional já publicou a portaria que autoriza a distribuição dos encargos orçamentais previstos para o contrato-programa com a Associação Comercial e Industrial do Funchal, tendo em vista a cooperação financeira entre as partes outorgantes para a promoção e coordenação de testagem por testes rápidos de antigénio (TRAg), para a SARS-CoV-2, aos cidadãos residentes na RAM e aos turistas durante a sua estadia na Região, que solicitem a realização dos mesmos nos serviços privados de saúde da Região que sejam associados daquela entidade, bem como aos viajantes que desembarquem no Aeroporto do Porto Santo, em voo com origem no Aeroporto da Madeira, ou vice-versa e os viajantes que embarquem no Porto do Funchal com destino à Ilha do Porto Santo, ou vice-versa e participantes em atividades culturais, artísticas e nas celebrações pós-religiosas ou civis, nos termos da Resolução no valor de 6.825.000,00 euros.

Neste contexto, estabelece que para este ano de 2021, a ACIF receberá 6.375.000,00. Para o ano económico de 2022, estão € 450.000,00 euros.

8 visualizações