Buscar
  • Henrique Correia

Administração de vacinas contra a gripe já decorre no Porto Santo

O Governo Regional investiu 460 mil euros, o que corresponde à compra de 56 mil vacinas.



Desde o dia 28 de setembro, o Porto Santo já recebeu algumas  vacinas e já conseguiu vacinar contra a gripe profissionais de saúde, bombeiros e grávidas, público-alvo definido como prioritário nesta primeira fase da vacinação.

A administração das vacinas contra a gripe decorre dentro da normalidade programada, garantiu o secretário regional de Saúde e Proteção Civil, Pedro Ramos, que hoje fez uma visita de trabalho ao Centro de Saúde do Porto Santo.

“O objetivo da minha vinda aqui é sensibilizar a população do Porto Santo para as vantagens da realização da vacina contra a gripe, sobretudo as pessoas que fazem parte dos grupos mais vulneráveis. Estamos a atravessar uma pandemia e a coexistência da COVID-19 com a gripe, será sempre catastrófica para todos aqueles que eventualmente possam passar por esta situação, por isso é muito importante fazer a vacina contra a gripe”, disse. 

Pedro Ramos recorda que o investimento do Governo Regional na aquisição das vacinas contra a gripe foi na ordem dos 460 mil euros, o que corresponde à compra de 56 mil vacinas.

O governante reuniu ainda com a direção do Centro de Saúde do Porto Santo, para se inteirar de todo o trabalho realizado naquela unidade de saúde, bem como no Centro de Rastreio no Aeroporto do Porto Santo.

Recorde-se que desde o dia 01 de julho no Porto Santo já foi possível testar à chegada no aeroporto 1213 passageiros, o que significa que a maioria (88%) viajou com teste PCR realizado na origem e com resultado negativo.

4 visualizações