top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

Agricultores vítimas dos incêndios com apoios a fundo perdido



Os prejuízos devem ser apresentados, até 3 de novembro, através da “Notificação de Prejuízos” que está disponível no site da Secretaria Regional de Agricultura e Ambiente bem como nas Juntas.



O Governo Regional aprovou uma resolução, onde se define que, tendo em conta os recentes incêndios que afetaram os concelhos de Câmara de Lobos, Calheta e Porto Moniz, irá apoiar os agricultores, através do PRODERAM2020, que prevê apoios a fundo perdido (100% do investimento elegível) com o objetivo de possibilitar a reconstrução das condições de produção e infraestruturas de carater individual ou coletivo.

Para o efeito os prejuízos devem ser apresentados, até 3 de novembro, através da “Notificação de Prejuízos” que está disponível no site da Secretaria Regional de Agricultura e Ambiente bem como na Junta de Freguesia do Jardim da Serra, Casa do Povo da Calheta, Casa do Povo da Fajã da Ovelha, Casa do Povo da Ponta do Pargo, Casa do Povo do Porto Moniz, Balcões da Secretaria Regional da Agricultura e Ambiente da Ribeira Brava, da Calheta e de São Vicente, Centro de Abastecimento Hortícola da Santa e na Estação Zootécnica da Madeira.

De realçar que caso o agricultor necessite, poderá requerer à secretaria as candidaturas aos apoios sem nenhum custo associado.


3 visualizações
bottom of page