Buscar
  • Henrique Correia

Ajustes diretos suspeitos levam PJ a três Câmaras socialistas da Madeira

Depois do Funchal, outras duas "autarquias sicialistas" da Região estão sob investigação, revela a revista Sábado



A Polícia Judiciária "está a investigar suspeitas de financiamento do PS/Madeira através de ajustes diretos feitos entre três autarquias socialistas e "empresas fantasma".

Esta informação foi hoje veiculada pela Revista Sábado, acrescentando que"a Operação da Unidade Nacional Contra a Corrupção começou, esta quarta-feira, na Câmara do Funchal e continua, durante o dia de quinta-feira, em mais duas autarquias", não especificando quais.

A revista refere que " o processo corre no Departamento de Investigação e Acção Penal de Lisboa, que ordenou as buscas às autarquias e a algumas empresas que beneficiaram de ajustes diretos em processos de contratação pública".

26 visualizações