Buscar
  • Henrique Correia

Albuquerque diz que não cede: visitas aos lares vão manter-se condicionadas

Presidente do Governo apelou à compreensão de todos aqueles que têm familiares institucionalizados, lembrando que esta é uma decisão que é para o bem de todos.


O presidente do Governo Regional assumiu, hoje, mais uma posição de firmeza relativamente às medidas de preveção para a Covid-19, desta vez relacionada com as visitas aos lares, espaços que na Região têm registado uma estabilidade, mas que no continente têm sido focos de casos positivos em série.

Numa publicaçao no site oficial do Governo, é referido que Miguel Albuquerque deixou claro que "não vai haver medidas de relaxamento nos lares. O presidente do Governo Regional lembrou que estamos perante uma segunda vaga da COVID e que, como tal, não há condições para atenuar medidas de confinamento. Ou seja, as regras para visitas vão manter-se tal e qual estão".

O governante disse entender que as pessoas queiram visitar os seus pais o maior tempo possível e sem restrições, mas lembra que as medidas da Região visam evitar surtos de contágio naquelas unidades. A propósito recordou o que se passa no Continente, em vários lares, com vários idosos mortos.

Neste sentido, apelou à compreensão de todos aqueles que têm familiares institucionalizados, lembrando que esta é uma decisão que é para o bem de todos.

4 visualizações