Buscar
  • Henrique Correia

Albuquerque em modo Jardim decidiu sobre nómadas digitais em pouco tempo


Umas duas ou três cervejas corais na Quinta Vigia foram suficientes para "empurrar" o novo mundo digital.




O presidente do Governo Regional lembrou hoje os impulsionadores da Startup Madeira, que faz 25 anos. São eles Alberto João Jardim e João Cunha e Silva, presidente e vice presidente de governos anteriores.

Albuquerque deixou uma mensagem de futuro, acentuando o quanto é importante a transição para uma economia digital, sublinhando que a Madeira reúne excelentes condições para receber os profissionais da inovação e essa perceção ocorreu no pico da pandemia, onde tivemos conta dessa realidade.

Albuquerque revelou que relativamente aos nómadas digitais, o projeto foi colocado na Quinta Vigia no meio de duas ou três cervejas e à moda da escola de Jardim: não leves muito tempo a decidir. E foi negócio fechado.

O presidente do Governo disse, ainda, que tem 21 milhões para o ensino tecnológico e quer reduzir para 10% o IRC para cativar empresas.


29 visualizações