Buscar
  • Henrique Correia

Albuquerque: Funchal "num novo tempo de ações" e não de "propaganda balofa"


Presidente do Governo com elogios a Calado, voltou a falar do novo túnel na cidade e fez críticas diretas à gestão anterior: "As pessoas, hoje, sabem que a cidade tem uma liderança, um projeto e uma equipa".





Miguel Albuquerque presidiu à cerimónia do Dia da Cidade do Funchal e retribuiu esse estatuto, por via da ausência do Representante da República e do presidente da Assembleia Regional, com um elogio rasgado a Pedro Calado.

Uma sessão onde o líder do Governo voltou a falar o túnel que vai atravessar a cidade, abordabdo a questão da mobilidade e falando sobre o projeto em túnel que "temos para melhorar as acessibilidades e a qualidade de vida da população".

Sobre o Funchal: "voltou hoje a renascer para um período promissor de esperança e desenvolvimento...novos tempos".

O presidente do Governo Regional falou num "novo tempo de relançamento do investimento público e privado, de limpeza e reorganização ambiental da cidade, de apoio social efetivo às famílias mais vulneráveis. Um novo tempo em que se resolve os problemas com ações concretas e não com propaganda balofa", referiu Albuquerque, como dá conta um texto publicado pelo gabinete de comunicação da presidência.

Na sua intervenção, o líder madeirense disse ainda que "as pessoas, hoje, sabem que a cidade tem uma liderança, um projeto e uma equipa", sublinhando que os munícipes sabem que, no Funchal, "acabou o tempo dos diletantes e amadores da política".

"Da nossa parte, Governo Regional, reiteramos uma vez mais a nossa total disponibilidade para reforçarmos o trabalho conjunto em prol da nossa cidade capital", afirmou.

Na sua intervenção, o presidente do Governo Regional fez ainda questão de "saudar calorosamente os técnicos e funcionários da Câmara Municipal do Funchal.

5 visualizações