top of page
Buscar
  • Henrique Correia

Albuquerque oferece colaboração mas pede obras urgentes nos tribunais


Ministra da Justiça ouviu o presidente do Governo pedir uma Justiça célere, eficaz e equitativa em todo o território nacional






Miguel Albuquerque deu "uma no cravo, outra na ferradura" na ministra da Justiça, que está de visita à Madeira. Por um lado, promessa de toda a colaboração para tornar a Justiça mais célere, mais eficaz e mais equitativa. Por outro, faltam meios para esse objetivo e são urgentes obras do Estado, como sejam as recuperações dos tribunais da Ponta do Sol e de Santa Cruz.

O presidente do Governo sabe que a governante da República tem consciência dessas prioridades, mas lembrou essas intervenções como sendo importantes para estender, também à Região, a tal Justiça célere.

Estas declarações do chefe do governo madeirense ocorreram no âmbito do protocolo hoje assinado entre a Secretaria Regional da Saúde e o Ministério da Justiça, com o intuito de "assegurar ao Estabelecimento Prisional do Funchal o acesso a serviços digitais e de telessaúde ao recluso/utente, designadamente a realização de teleconsultas por videochamada".

Albuquerque considerou mesmo que o processo de digitalização e modernização da Saúde, com enfoque no novo Hospital Universitário da Madeira, através de um polo de investigação, dará um outro rumo ao desenvolvimento, sendo importante acelerar processos para que a Justiça acompanhe esse desenvolvimento.

6 visualizações
bottom of page