Buscar
  • Henrique Correia

Albuquerque põe "água na fervura": alguma violação das regras sem grandes excessos


Presidente do Governo diz que sobre a festa do título do Sporting "devemos ser sérios na abordagem e não fazer empolamentos da situação", mas também alerta que "a pandemia não acabou".



O presidente do Governo Regional deitou hoje alguma "água na fervura" da festa do título do Sporting e a correspondência que se faz com o contexto pandémico. Sportinguistas vieram para as ruas, sem máscara e sem distância, por todo o País, logo na Madeira também.

Miguel Albuquerque disse, à RTP-M, que devemos ser sérios na abordagem e não fazer empolamentos da situação. Reconheceu que a festa já era esperada e que "não houve grandes excessos, apenas alguma violação das regras". Uma posição de certa forma suave para um contexto muito específico, mas em termos de restrições, provavelmente tão grave ou mais grave do que ajuntamentos junto aos bares.

Mas é evidente que o presidente do Governo pretende desvalorizar esta pausa para a euforia do Sporting, num entendimento que é preciso compreender o contexto. Mas, ainda assim, lembrou que "a pandemia não acabou, é preciso cuidado".


9 visualizações