Buscar
  • Henrique Correia

Albuquerque quer Regiões pressionando a Europa e os governos nacionais


O objetivo é revindicar um apoio reforçado no âmbito do Plano de Recuperação e a continuidade de negociações em torno do Quadro Comunitário de Apoio.

O presidente do Governo Regional Miguel Albuquerque defendeu hoje que as Regiões Ultraperiféricas devem exigir, junto das instâncias comunitárias e nacionais, um apoio reforçado no âmbito do Plano de Recuperação e a prosseguirem com as negociações em torno do Quadro Comunitário de Apoio.

O presidente madeirense, que falava no âmbito da sua intervenção na Conferência dos Presidentes das Regiões Ultraperiféricas, alertou ainda para a necessidade de se proteger o Estatuto da Ultraperiferia.

Miguel Albuquerque enalteceu a importância da concentração de posições em torno de objetivos comuns, recordando que foi essa mesma união que permitiu alcançar sucessos nas negociações para o Quadro Comunitário de Apoio, como «as taxas de cofinanciamento de 85% no âmbito do objetivo de Investimento no Emprego e no Crescimento, o aumento da dotação adicional FEDER de 30 para 40 Euros por habitante, uma dotação especifica FSE + e a manutenção da regra N+3».


1 visualização