top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

Bernardo Sousa não esconde que queria subir ao pódio absoluto



"Em 2023 as dificuldades aumentam pois a concorrência é maior e muito forte".




Bernardo Sousa publicou uma foto à partida de Lisboa referindo o Rali Vinho Madeira no "horizonte".


O madeirense Bernardo Sousa regressa ao Rali Vinho Madeira com um Citroën C3 Rally2 e com o objetivo de "ter um resultado em crescendo, de acordo com os últimos registos. Em 2023 as dificuldades aumentam pois a concorrência é maior e muito forte. No entanto, dadas as minhas últimas participações no evento, estarei mais confortável porque tenho um melhor conhecimento da prova.".

Em entrevista ao gabinete de comunicação da prova, Bernardo Sousa aponta como objetivo "estar entre os três primeiros do Campeonato de Portugal de Ralis, algo que, face ao que temos mostrado nas últimas provas, está ao nosso alcance".

"Gostaria também de subir ao pódio absoluto. Na Madeira contam sempre bastante as condições climatéricas e uma classificativa e algum piso novo diminuem a vantagem que os pilotos do campeonato local têm. Este é o meu primeiro RVM com o José Janela como navegador e possivelmente vou ter que utilizar notas novas. Psicologicamente, esta é a minha prova “de casa” mas na realidade é aquela, do campeonato nacional, em que tenho menos participações”.

Com 36 anos de idade, Sousa fez a sua estreia em ralis em 2005 com um Ford Escort RS MkII. A sua primeira temporada em pleno foi em 2006 com um Peugeot 206 S1600. Passou então para um Mitsubishi Lancer Evo IX e foi com essa viatura que esteve pela primeira vez no PWRC em 2008. Manteve-se nesse campeonato até 2011, primeiro com um Fiat Punto S2000 e depois com Ford Fiesta S2000. Foi com este último modelo que foi campeão nacional em 2010. É sexto no Campeonato de Portugal de Ralis.


4 visualizações

Kommentit


bottom of page