Buscar
  • Henrique Correia

Cáritas cada vez mais necessária num contexto de crise


Foram homenageados a voluntária mais antiga da instituição, Maria José Castro, de 91 anos, e o Bispo Emérito do Funchal, D. Teodoro de Faria, que há 38 anos fundou a Cáritas Diocesana do Funchal.



Fotos Duarte Gomes

O presidente da Assembleia Legislativa da Madeira, José Manuel Rodrigues, participou este domingo na eucarística celebrada pelo Bispo do Funchal, D. Nuno Brás, que assinalou o Dia Nacional da Cáritas.

O lider do Parlamento disse qu “era bom que não fosse necessária a existência da Cáritas, mas é verdade que ela é cada vez mais necessária”, reforçou. Refere que se antes da pandemia a instituição diocesana “já tinha um papel muito importante no apoio a muita gente, a verdade é que hoje as necessidades são maiores.”

José Manuel Rodrigues salienta que “as consequências económicas e sociais desta pandemia, que devastaram a economia, estão a provocar mais desemprego, salários em atraso, fecho de empresas, com consequências sociais gravíssimas”. Reafirma por isso que a “Cáritas tem um papel importante no apoio a essas pessoas, quer como instituição da igreja, quer como instituição que integra o Fundo de Emergência Social da Região”.

Nesta cerimónia foram homenageados a voluntária mais antiga da instituição, Maria José Castro, de 91 anos, e o Bispo Emérito do Funchal, D. Teodoro de Faria, que há 38 anos fundou a Cáritas Diocesana do Funchal.







3 visualizações