Buscar
  • Henrique Correia

Cafôfo quer saber se há capacidade de resposta do Serviço Regional de Saúde

O líder do PS-M lembrou que o confinamento e o fecho da economia tiveram como objetivo robustecer o Serviço Regional de Saúde para estar preparado em termos de recursos humanos, de aquisição de equipamentos e adaptação de espaços


Paulo Cafôfo, o líder do PS-Madeira, quer saber informações sobre a capacidade instalada do Serviço Regional de Saúde para fazer face ao aumento exponencial de casos de Covid-19 e à possibilidade de o cenário de propagação do vírus se tornar ainda mais gravoso.

Em conferência de imprensa, o presidente dos socialistas madeirenses lembrou que o confinamento e o fecho da economia tiveram como objetivo robustecer o Serviço Regional de Saúde para estar preparado em termos de recursos humanos, de aquisição de equipamentos e adaptação de espaços, pelo que «importa saber se o Governo Regional acautelou esta situação, num momento em que estamos com um aumento de casos, porque ficamos preocupados quando ouvimos recentemente o presidente do IASAÚDE a dizer que um surto de Covid-19 na Madeira seria catastrófico».

Paulo Cafôfo vincou que, para que seja possível transmitir tranquilidade e confiança às pessoas, é necessário esse esclarecimento por parte do Governo Regional, nomeadamente no que diz respeito à nossa capacidade de testagem, de vigilância epidemiológica e outras medidas adequadas à situação, bem como a capacidade máxima instalada em termos de internamentos e de cuidados intensivos. «Isto é importante, no sentido de tranquilizar as pessoas para que, a par dos profissionais em quem confiamos, também possamos confiar nas respostas em situações mais gravosas», referiu.

5 visualizações