top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

Calado diz que o PSD "é a luz ao fundo do túnel" para o País



O autarca aproveitou o momento para defender a urgência de uma alteração da Lei de Finanças Locais, na forma de financiamento das freguesias e dos municípios.






O social democrata Pedro Calado, presidente da Câmara do Funchal, considerou hoje que o PSD "é a luz ao fundo do túnel" para o País. "Basta de comissões, de retóricas".

Falando na sessão de abertura das jornadas parlamentares do partido, que decorrem no Funchal com a presença do líder nacional Luís Montenegro e do líder regional Miguel Albuquerque, Calado criticou a governação socialista e falou no empobrecimento de Portugal mesmo depois do País ter recebido verbas da Europa. "Nós, na Madeira, também tivemos a pandemia e a guerra depois de um período do PAEF. Mas mesmo assim, conseguimos tudo aquilo que o País não conseguiu, menos dívida, mais emprego".

O autarca aproveitou o momento para defender a urgência de uma alteração da Lei de Finanças Locais, na forma de financiamento das freguesias e dos municípios, dando o exemplo da disparidade de apoios a concelhos como Porto Moniz, que recebe do Orçamento de Estado o dobro do que recebe o Porto Santo com metade da área, sendo que o Porto Santo sofre de dupla insularidade. Este é o momento certo para colocar estas situações".

11 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page