Buscar
  • Henrique Correia

Calado quer apoiar o Summer Opening mas alerta jovens para álcool e drogas


"São dois problemas da sociedade" que a autarquia quer combater, em "várias frentes".




Pedro Calado fez uma meia promessa e um pedido. A meia promessa foi abrir a porta a mais apoios à organização do Summer Opening. O pedido foi feito aos jovens para que não consumam álcool nem drogas.

Decorreu ontem, no Salão Nobre da Câmara Municipal do Funchal, a assinatura do protocolo entre a autarquia e a organização do Summer Opening 2022, que decorre nos dois próximos fins-de-semana, 15/16 e 22/23, sendo que esta edição, a primeira após a pandemia do covid-19, vai ter dois palcos.

O presidente da Câmara Municipal do Funchal salientou a importância do evento, quer em termos culturais, mas também económicos e turísticos, apontando ainda a «excelente qualidade, a nível nacional e internacional,  do cartaz», numa «iniciativa que não é fácil» de organizar e promover, dada a existência de «grande concorrência» pelos «muitos eventos» este ano por toda a Região, refere uma publicação da Autarquia.

autarca fez ainda questão de apelar à organização, "cuja excelência organizativa e de trabalho" reconheceu, para passar a mensagem à juventude do não ao consumo do álcool e drogas, apelo que também dirigiu à própria juventude, bem como a necessidade de cuidarem do Parque de Santa Catarina, emblemático jardim do Funchal, onde decorrerá o Summer Oppening.

Sobre esta questão do consumo do álcool e das drogas, Pedro Calado lembrou que "são dois problemas da sociedade" que a autarquia quer combater, em "várias frentes", daí ter reiterado ser «importante tudo o que se puder fazer» para evitar estes consumos.

8 visualizações