Buscar
  • Henrique Correia

Calado quer comércio a mudar horários; Festas da Sé com mais polícia na rua



As Festas da Sé abrem sexta-feira, 20 de maio e pela primeira vez haverá haverá um patrulhamento diário, de bicicleta por elementos dos Bombeiros Sapadores do Funchal.



Pedro Calado não deve estar satisfeito com este fluxo turístico e o comércio do Funchal fechado, com particular incidência ao fim de semana. Por isso, aproveitou a apresentação das Festas da Sé para lançar um desafio a todos os empresários no sentido de adaptarem os seus horários de funcionamento ao bom momento turístico, "um período positivo da nossa economia" que a Região atravessa, dando como exemplo os fins-de-semana em que o Funchal recebe muitos navios de cruzeiro.

O objectivo da Câmara é "trazer mais gente ao centro do Funchal, queremos dinamizar o comércio local, queremos aproveitar estes eventos para dar mais vida à cidade", referiu o presidente da Autarquia, como refere uma nota do seu gabinete de comunicação.

As Festas da Sé, que têm um investimento de 25 mil euros da CMF e também o patrocínio da Empresa de Cervejas da Madeira abrem oficialmente, na próxima sexta-feira, pelas 17:00, indo até ao dia 29 de Maio, com três momentos de animação diários, estando os estabelecimentos de restauração abertos até às 01:00.

O presidente da Câmara Municipal do Funchal destacou a «animação» existente, bem como "a segurança", dado que o policiamento será reforçado durante os dias das Festa da Sé, bem como "o reforço da limpeza urbana", havendo ainda e, pela primeira vez, um patrulhamento diário, de bicicleta por elementos dos Bombeiros Sapadores do Funchal.

25 visualizações