Buscar
  • Henrique Correia

Candidaturas ao "Pedido Único" prolongam-se até 15 de maio


De 16 a 31 de maio, as candidaturas submetidas em período normal não têm qualquer penalização, caso o Beneficiário pretenda apenas alterar


A secretaria regional de Agricultura e Desenvolvimento Rural informou hoje que as candidaturas ao Pedido Único (PU) de 2021, que tiveram início a 1 de fevereiro, foram prorrogadas até 15 de maio, sem qualquer penalização, e que as mesmas podem ser efetuadas pelo beneficiário, por via eletrónica, na Área Reservada do Portal do IFAP https://portal.ifap.pt, em ‘O Meu Processo’.

Uma nota da secretaria aponta que "face às medidas adotadas para o controlo da pandemia da Covid-19, e de modo a se evitar, desde que possível, o contacto social, mantém-se tal como adotado no ano anterior o serviço de call center, para este efeito específico, com o número 291 145 406".

Através desta linha telefónica os interessados poderão registar, de modo automático e rápido, os dados base (número de contribuinte, identificação de beneficiário do IFAP e o contacto telefónico) do agricultor candidato, procedendo ao diagnóstico da sua situação (por exemplo, se tem ou não a senha de acesso à candidatura eletrónica e um e-mail válido/ativo), para posterior encaminhamento ao técnico do concelho a que respeite. Este técnico contacta então de volta o agricultor e com ele providencia a obtenção de algum requisito ainda em falta, se for o caso, e preenche toda a informação necessária, submetendo finalmente a candidatura no respetivo portal.

Registe-se ainda que de 16 a 31 de maio, as candidaturas submetidas em período normal não têm qualquer penalização, caso o Beneficiário pretenda apenas alterar. No entanto, a partir de 16 de maio e até 9 de junho, as candidaturas normais ou de substituição serão penalizadas em 1% por cada dia útil.


6 visualizações