top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

CGD perdoa dívida a Carlos Pereira; deputado sai da comissão de inquérito à TAP



Correio da Manhã revela que em causa está um corte de 66 mil euros no pagamento de crédito à empresa da qual o deputado era avalista.




O jornal Correio da Manhã revela esta sexta-feira que o deputado socialista madeirense na Assembleia da República Carlos Pereira viu ser perdoada uma dívida à Caixa Geral de Depósitos. Um corte de 66 mil euros no pagamento de crédito à empresa da qual o político era avalista. "Carlos Pereira foi relator de uma comissão de inquérito ao Banco público", refere o jornal. Entretanto, o deputado socialista saiu da comissão de inquérito à TAP.

O parlamentar esteve no centro da polémica reunião com a CEO da transportadora aérea antes da responsável ser ouvida na referida comissão de inquérito, o que tem motivado inúmeras críticas inclusive por parte do presidente da Assembleia da República, que já afirmou a necessidade destas situações não se repetirem.

O Público e a CNN revelaram, esta sexta-feira, uma informação dando conta que Carlos Pereira abandona a comissão e esta quinta-feira já não esteve presente na audição ao presidente da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), Luís Laginha de Sousa, cujo depoimento não agradou aos deputados por ter sido pouco esclarecedor.


14 visualizações

Comments


bottom of page