Buscar
  • Henrique Correia

Chega pronto para "tirar o tapete" ao PSD nos Açores: "Acabou", diz José Pacheco


Sem o Chega, o Governo açoriano não tem maioria parlamentar.




O deputado do Chega/Açores, José Pacheco, disse que “acabou” o apoio do partido ao Governo Regional, de coligação PSD/CDS-PP/PPM e antecipa que pretende reprovar o próximo Orçamento da região, que vai ser discutido no final do ano. A informação foi publicada no Expresso com base num texto da Lusa.

O deputado tem com o Governo um acordo de incidência parlamentar, mas adianta que “continua sem ter eco das propostas” apresentadas para viabilizar o Orçamento Regional de 2022, como as viaturas para a corporação de bombeiros e os incentivos à natalidade, notando estar por fazer a remodelação no executivo liderado por José Manuel Bolieiro, como o Chega tinha exigido.

“Não tenho problema nenhum, enquanto representante do Chega nos Açores, de assumir essa despesa e esse risco, mas fica o Governo Regional a saber que, com o Chega, acabou”, afirmou José Pacheco.

Sem o Chega, o Governo açoriano não tem maioria parlamentar.

7 visualizações