top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

Desalojados do Canto do Muro ainda à espera



Confiança denuncia: "Reocupação de cinco fracções do prédio evacuado por famílias que se fartaram da ausência de soluções e das promessas adiadas do actual executivo".




A equipa da Confiança na Câmara do Funchal manifestou hoje, após a reunião semanal do executivo, a sua preocupação com a situação dos moradores do complexo habitacional do Canto do Muro III que, mais de três meses após terem sido desalojados pela actual gestão municipal, ainda estão com a sua situação habitacional por resolver.

Vários moradores no local têm alertado os vereadores da Confiança para esta situação, incluindo um chefe de família, que afirma continuarem várias pessoas alojadas provisoriamente no quartel, bem como outros residentes no complexo habitacional que indicam a reocupação de cinco fracções do prédio evacuado por famílias que se fartaram da ausência de soluções e das promessas adiadas do actual executivo.

“A Câmara do Funchal tem a obrigação de dar respostas céleres aos problemas da cidade, em especial aqueles que são criados pelo executivo municipal. Exige-se seriedade, transparência e responsabilidade.”, refere o vereador Miguel Silva Gouveia, lamentado que “o PSD trate os funchalenses como figurantes nas múltiplas acções de campanha eleitoral com que vão mascarando a ausência de trabalho”. “As pessoas não vão ficar caladas para sempre e já vão começando a perceber que, com este executivo, as promessas chegam mais depressa que as soluções”, diz o autarca.


10 visualizações

Comments


bottom of page