top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

Doentes oncológicos e com HIV sem medicamentos há três semanas



A denúncia foi feita por Filipe Sousa, cabeça-de-lista do JPP: "50 anos depois de abril não se pode aceitar que isto aconteça repetidas vezes e de forma impune".



A denúncia foi feita durante uma ação de campanha do JPP, com Filipe Sousa a ser

informado, por várias pessoas, de que na Madeira os doentes oncológicos e crónicos, nomeadamente com HIV, estão há três semanas sem medicação.

Filipe Sousa alterou o tema da campanha de hoje para dar voz a estes doentes, considerando que não sabe como podem dormir os responsáveis políticos sabendo do drama vivido por estas pessoas e pelas suas famílias. “Como se não bastasse a doença, ainda têm de gerir o medo e a insegurança criados pelos decisores políticos que continuam a brincar com a saúde dos madeirenses, dos porto-santenses e dos portugueses”, atirou o candidato.

Filipe Sousa garante que não vai calar a voz destas pessoas, porque sente profundamente os seus problemas e os seus medos, porque 50 anos depois de abril não se pode aceitar que isto aconteça repetidas vezes e de forma impune. Recorda, a propósito, que existe legislação que obriga a que este tipo de fármacos sejam dispensados para três meses, e que na Região estão a ser distribuídos apenas para 30 dias. Uma situação que considera inaceitável.

3 visualizações

Comments


bottom of page