Buscar
  • Henrique Correia

Donos dos bares "debaixo de olho": se há confusão fecham as portas, avisa Albuquerque



O presidente não está com "pagas na língua" para os excessos dos bares. Se os incumprimento se mantiverem fecham as portas.




O presidente do Governo Regional voltou a avisar os empresários da noite: "Se voltar a haver incumprimentos fecharemos as zonas onde tal ocorrer".

O presidente do Governo garante que se voltarem a haver situações de incumprimento como as que ocorreram no passado fim-de-semana, em zonas como a Rua das Fontes e a Zona Velha, "essas áreas serão imediatamente fechadas. E se houver escala anormal de novos casos, serão tomadas as medidas que forem necessárias".

O líder madeirense falava na Ponta Delgada, à margem da visita que fez na manhã de hoje a zonas afetadas, em 25 de dezembro de 2020, por um forte temporal.

Numa nota publicada nas plataformas digitais, é referido que relativamente ao fecho de atividades, nomeadamente de discotecas e de bares, Miguel Albuquerque mantém a expetativa de que seja possível controlar a situação. "Ainda ontem tivemos uma reunião muito importante com os donos dos bares e das discotecas, no sentido de apelar ao cumprimento das regras e das recomendações", lembrou.

Segundo o presidente do Governo Regional, a ideia passa por "evitar o encerramento das atividades económicas, nomeadamente comerciais e de restauração, que são onde tem havido mais incumprimento. A pior coisa que nos poderia acontecer seria encerrar a atividade económica em janeiro, na Madeira. Estamos a fazer tudo para que isso não aconteça.

Miguel Albuquerque insta ainda a que as pessoas cumpram ao nível da exibição dos certificados quando tal lhes for pedido e deve ser exigido, sobretudos nos espaços comerciais e de animação, mormente naquelas áreas onde são consumidas bebidas alcoólicas.

"Temos falado com os donos dos bares e há zonas que estão sob observação muito minuciosa por parte das autoridades de saúde e de fiscalização", recorda. Neste sentido, apelou para que "as coisas, neste fim-de-semana, corram bem…."

"Se não correrem bem, vamos tomar medidas muito mais drásticas… Faremos o encerramento que tiver de ser feito, não tenham a mínima dúvida. Se houver abusos, se houver irresponsabilidades, nós fecharemos as zonas onde estão esses bares…. O que se passou na Rua das Fontes e em alguns estabelecimentos da Zona Velha é inaceitável".



4 visualizações