Buscar
  • Henrique Correia

Doze milhões em contadores inteligentes nas casas dos madeirenses


Serão contratadas empresas regionais, para agilizar montagem dos contadores. Cerca de 60 mil em 2023 e cerca de 60 mil em 2024. O objetivo é que em 2025 o projeto esteja concluído.






A Região vai investir, até 2025, cerca de 12 milhões na compra de 126 mil contadores inteligentes, que serão instalados nas casas dos madeirenses, sem qualquer custo para os cidadãos, conforme sublinhou o presidente do Governo Regional, após visitar o centro de comando da Empresa de Eletricidade da Madeira. Um esforço que permitirá aos madeirenses terem acesso, ao minuto, ao que estão consumindo, revela uma informação publicada nas plataformas digitais do Governo.

Serão contratadas empresas regionais, para agilizar montagem dos contadores. Cerca de 60 mil em 2023 e cerca de 60 mil em 2024. O objetivo é que em 2025 o projeto esteja concluído.

Miguel Albuquerque lembra que todo aquele investimento, a concretizar no âmbito do PRR pela EEM, somará aos dois milhões de euros gastos no Porto Santo, para equipar toda a ilha (4 mil contadores) e aos 400 mil euros para instalar seis mil contadores no sítio da Ajuda, no Funchal.

Aos jornalistas, o líder madeirense realçou o forte investimento que vem sendo feito pela Empresa de Eletricidade da Madeira, visando a modernização, uma maior fiabilidade e uma melhor monitorização de todo o fornecimento de energia elétrica na Madeira.


11 visualizações