Buscar
  • Henrique Correia

Eficiência energética em 70 fogos passa com unanimidade no Funchal


As obras da ETAR-Estação de Tratamento de Águas Residuais tem início previsto no segundo semestre do próximo ano, com prazo de execução de 18 meses.


A Câmara Municipal do Funchal aprovou hoje, por unanimidade, a adjudicação da empreitada de eficiência energética em 70 fogos de habitação social, no Palheiro Ferreiro. O anúncio foi feito pelo presidente da autarquia, Pedro Calado, no final da reunião do executivo municipal, segundo refere uma nota sobre a reunião da Autarquia.

As obras serão realizadas em 3 lotes e representam um investimento global de 1, 3 milhões de euros, devendo decorrer entre 6 meses a 1 ano.

Outra deliberação referenciada prende-se com a prorrogação por mais 10 dias a aceitação de propostas por parte do consórcio bancário que vai fazer o financiamento dos 3 milhões de euros na parte correspondente ao município do Funchal para o inicio das obras da ETAR-Estação de Tratamento de Águas Residuais. A obra tem início previsto no segundo semestre do próximo ano, com prazo de execução de 18 meses para que possa estar concluída nesta fase até final de 2023.

De acordo com Pedro Calado trata-se de um projeto muito grande, dividido em 2 fases. Uma já teve início e envolve cerca de 5 milhões de euros. O projeto global é de 19 milhões de euros, dos quais cerca de 12,4 milhões terão financiamento do programa comunitário POSEUR, em cerca de 65%.

20 % deste montante, cerca de 4 milhões, são financiados pela própria CMF e depois terão uma comparticipação do Governo Regional de 3 milhões de euros.

3 visualizações