Buscar
  • henriquecorreia196

Eleições terão apenas um impacto relativo no Programa de Recuperação e Resiliência



Miguel Albuquerque: "A salvação de Portugal será as pessoas começarem a entender que é preciso um Governo que apoie os empresários, apoie o crescimento económico".



Miguel Albuquerque não está tão preocupado como Pedro Calado, relativamente às consequências da dissolução da Assembleia da República e da convocação de eleições antecipadas.

O presidente do Governo Regional defende que as eleições antecipadas terão apenas um impacto relativo no Programa de Recuperação e Resiliência. E complementa o raciocínio: "Toda a gente pensa que a salvação de Portugal será o PRR. A salvação de Portugal será as pessoas começarem a entender que é preciso um Governo que apoie os empresários, apoie o crescimento económico e que apoie os cidadãos na criação de riqueza".

Miguel Albuquerque diz que mais do que estar á espera de um PRR, o País tem de apoiar os empresários, o crescimento económico e a criação de riqueza por parte dos cidadãos. Declarações feitas nesta manhã de sexta-feira, à margem de uma visita à loja “My Kitchen”, que abriu na zona da Ajuda, no Funchal, refere um texto publicado nas plataformas digitais do Governo.

Na Madeira, reafirma Albuquerque, "o Orçamento da RAM para 2022 será apresentado na data prevista. Posteriormente – lá para depois de maio, data que penso que será a da aprovação do próximo Orçamento de Estado – em função desse novo Orçamento de Estado, apresentaremos, ao longo do próximo ano, um orçamento retificativo", clarifica.

4 visualizações