Buscar
  • Henrique Correia

Espólio dos museus municipais vai "andar" pela cidade entre maio e agosto


“Partilhas Francas” arranca no próximo dia 20 de maio, com a inauguração da primeira exposição desta rede, denominada “Teia de Thanatos”, de Gonçalo Ferreira de Gouveia.



“Partilhas Francas”, assim se chama a iniciativa que prevê a circulação de várias peças do espólio dos museus municipais por diferentes espaços da cidade, entre maio e agosto, em instalações recriadas por diferentes artistas regionais. A iniciativa foi apresentada pelo presidente da Câmara Municipal do Funchal, Miguel Silva Gouveia, no Museu Henrique e Francisco Franco, para a apresentação do projeto.

Segundo revela uma nota da Autarquia, "o projeto tem a curadoria do artista plástico Diogo Goes e o Presidente Miguel Silva Gouveia destaca que “esta série de exposições é uma oportunidade para revisitar peças que são património da cidade, atribuindo-lhes novas visões e novas leituras. Vamos, desta forma, promover os nossos acervos museológicos, potenciando que os artistas locais estabelecem diálogos entre a arte contemporânea, a história dos edifícios, os seus espólios e a sua inserção na cidade.”

“Partilhas Francas” arranca no próximo dia 20 de maio, com a inauguração da primeira exposição desta rede, denominada “Teia de Thanatos”, de Gonçalo Ferreira de Gouveia, e que estará patente na “Porta do cavalo” e na “Teia” do Teatro Municipal Baltazar Dias.


4 visualizações