Buscar
  • Henrique Correia

"Esta" Covid-19 vai mais aos jovens; 1631 já testaram positivo na Madeira


Albuquerque alerta para a importância da vacinação e duz que os dias abertos vão continuar para facilitar o acesso.




Parece miragem mas não é. A Covid-19 também atinge os jovens, ainda que não com a intensidade e contornos relativamente a idades mais avançadas, mas mesmo assim de forma preocupante em função dos contágios que poderão resultar no contacto com os mais velhos. E por outro factor novo, em função da variante Delta, que atinge mais escalões mais baixos. Esta é a parte mais difícil de um entendimento racional de acordo com as prevenções necessárias. A juventude assume uma suposta imunidade na exata dimensão da rebeldia da idade. Só que a doença faz estragos.

E hoje, o presidente do Governo lançou um número que a todos deve preocupar: desde o início da pandemia, 1631 crianças e jovens até 17 anos testaram positivo na Madeira. Por isso, Albuquerque considera importante vacinar.

O chefe do Executivo Regional reafirma o que o diretor regional de Saúde já tinha afirmado sobre a dificuldade de contactar jovens para a vacinação. Albuquerque compreende que é um período de férias, mas aposta nos dias abertos como forma de facilitar o acesso à vacinação, apontando o facto de estar em curso o processo para os estudantes universitários, com a Janssen para os homens e a Pfizer para as mulheres, além de que sábado há dia aberto para a faixa etária 12-17 anos, sendo importante sensibilizar os pais para esta vacinação.

No dia 31 de julho, inicia-se a vacinação dos mais jovens com idades entre os 12 e os 17 anos, no Madeira Tecnopolo, a partir das 13h00. Não é necessário marcar.

4 visualizações