Buscar
  • Henrique Correia

Estrada pela ribeira acima é má para o ambiente e boa para poupar gasóleo


A denúncia é do PS-M: "Em vez de utilizarem as estradas regionais, simplesmente decidiram abrir uma estrada na ribeira, com todas as consequências ambientais e paisagísticas".





O PS Madeira veio a público denunciar o que considera como sendo "ilegalidades e irregularidades nas ribeiras da Madeira". E sustenta essa abordagem com algumas imagens obtidas na Ribeira Funda, na descida do Estreito da Calheta para o Jardim do Mar.

Os socialistas deixam apontamentos críticos relativamente à abertura de uma estrada "de grande envergadura pela ribeira acima, um autêntico esventramento a 'olho nú', alegadamente levada a cabo pela empresa responsável pela obra do túnel, tirando material do mesmo e transportando para o estaleiro acima da ponte da via rápida".

Os socialistas fazem ligação desta irregularidade com a recente abordagem parlamentar, em sede de comissão de inquérito, sobre a Extração Ilegal de Inertes, onde as conclusões "aprovadas pela maioria do PSD", lembra o deputado do PS-M, "não resultaram em qualquer consequência, depois de ouvidos o anterior Secretário do Equipamento, e a atual Secretária Regional do Ambiente, Susana Prada". Tudo porque "continuam as movimentações suspeitas, e pior, a confirmação de que as ribeiras continuam a ser maltratadas pelas empresas que operam no sector, tendo em vista a obtenção do material “precioso”, qual ouro negro madeirense".

No texto, é utilizada a ironia para falar em “ideia brilhante”, que assim "poupa uns quilómetros de gasóleo", sublinhando ainda que "em vez de utilizarem as estradas regionais, simplesmente decidiram abrir uma estrada na ribeira, com todas as consequências ambientais e paisagísticas".

33 visualizações