Buscar
  • Henrique Correia

Filipe Sousa denuncia reunião "estranha" da AMRAM com candidato do PSD Rui Rio


"A AMRAM não é, nem devia ser tratada pelo seu atual presidente como um feudo do PSD.




O presidente da Câmara de Santa Cruz fez hoje uma denúncia sobre uma "reunião estranha da AMRAM", a Associação de Municípios da Madeira, com o candidato à liderança nacional do PSD, Rui Rio.

"Tendo o Presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz recebido um convite da AMRAM para marcar presença numa estranha reunião daquele organismo no próximo dia 23 de novembro com o candidato do PSD Rui Rio, tornamos público que Filipe Sousa não participará no referido encontro, nem enviará qualquer contributo para referida reunião, uma vez que não é assessor do Dr. Rui Rio. A ausência do presidente da Câmara de Cruz justifica-se pelas razões que a seguir se enumeram:

- A AMRAM não é, nem devia ser tratada pelo seu atual presidente como um feudo do PSD;


- A marcação desta reunião desprestigia a AMRAM, porque o Dr. Rui Rio não se encontra revestido de qualquer legitimidade para falar das relações dos Municípios com o Governo da República. Primeiro porque o Dr. Rui Rio não representa o Governo da República, segundo porque nem se sabe sequer se será o Dr. Rui Rio o candidato do PSD às eleições de janeiro;


- O Presidente da Câmara de Santa Cruz lamenta esta subjugação de um organismo a lógicas de partidos e interesses mais ou menos obscuros, e teme pelo futuro da AMRAM se logo no início se marcam reuniões sem qualquer sentido ou lugar nas atribuições da AMRAM. Se é este o caminho da nova AMRAM sob a presidência do Dr. Pedro Calado, Santa Cruz irá ponderar seriamente a sua continuidade neste organismo;


- Faria muito mais sentido marcar esta reunião com o atual presidente do Governo Regional para abordar os problemas que realmente existem na relação dos municípios com o executivo liderado por Miguel Albuquerque;


- Não faz é qualquer sentido a AMRAM servir de braço armado para lutas internas pela liderança nacional do PSD, ou para interesses de grupos, grupinhos e grupelhos do PSD regional.


- Santa Cruz apela, por isso, a todos os presidentes de Câmara que integram a AMRAM a juntarem-se a Santa Cruz e salvarem o nome do organismo do qual fazem parte, livrando-o da instrumentalização partidária e orientando a AMRAM para aquelas que são as suas nobres atribuições.



10 visualizações