Buscar
  • Henrique Correia

Funcionários da Câmara do Funchal com preços especiais no Hospital Particular



O Madeira Medical Center e o Hospital Particular da Madeira vão passar a cobrar somente, no ato da prestação do serviço, o valor da coparticipação


Os mais de 1700 funcionários da Câmara Municipal do Funchal passam a usufruir de serviços de saúde privados, a preços especiais, no Hospital Particular da Madeira. Foi esse o objetivo da assinatura, hoje, de um protocolo de colaboração institucional, entre a CMF e o HPM. A cerimónia de assinatura contou com a presença do vereador com o pelouro dos Recursos Humanos na CMF, Rúben Abreu, e dos membros do Conselho de Administração do HPM, Alexandre Gonçalinho e Henrique Menezes.

Uma nota da Autarquia explica que Rúben Abreu referiu que a Câmara Municipal do Funchal já tem estabelecido um protocolo com o Grupo HPA Saúde, nomeadamente com o Madeira Medical Center, e que a Autarquia “decidiu estender esse mesmo protocolo a outra unidade do grupo existente na cidade do Funchal, o Hospital Particular da Madeira, disponibilizando assim mais um serviço de saúde a todo o universo de funcionários municipais, e dos respetivos familiares beneficiários da ADSE, que necessitem de cuidados médicos e acompanhamento.”

Para minimizar o impacto do pagamento da totalidade dos serviços de saúde por parte dos beneficiários da Câmara Municipal do Funchal e do respetivo agregado familiar, o Madeira Medical Center e o Hospital Particular da Madeira vão passar a cobrar somente, no ato da prestação do serviço, o valor da coparticipação, do qual será emitido o respetivo recibo.

2 visualizações