Buscar
  • Henrique Correia

"Governo vai dar 70 milhões à ARM e discriminar municípios não aderentes"

As suspeitas são do presidente da Câmara de Santa Cruz, que quer participar na consulta pública do Plano de Recuperação e Resiliência



O presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz disse hoje, no período de antes da ordem do dia da reunião camarária, que pretende participar na consulta pública do Plano de Recuperação e Resiliência, que prevê a chamada bazuca de dinheiros europeus para a Madeira no valor de 561 milhões.

Segundo refere uma nota da Autarquia "a Filipe Sousa interessa particularmente os 70 milhões que o Governo Regional vai dedicar ao setor das águas".

A propósito, disse que pela leitura dos objetivos traçados pelo executivo de Miguel Albuquerque, torna-se claro que o pacote de investimentos vai ser todo direcionado para a ARM. Defendeu que o Governo Regional não pode apenas governar para os clientes de uma empresa pública, condicionando a governação a municípios aderentes e discriminando municípios não aderentes, pois o Governo não é gestor de uma empresa, por mais pública que seja, mas sim gestor de toda uma Região.

6 visualizações