Buscar
  • Henrique Correia

Há 32 novos casos, só um importado; cinco crianças

Há 136 novas situações que se encontram hoje em estudo pelas autoridades de saúde


Hoje há 32 novos casos positivos a reportar, na Madeira. É só um desses casos é importado, da Região Norte de Portugal, 31 casos são de transmissão local, na sua maioria associados a contactos de casos

positivos anteriormente identificados. Os contactos de 3 casos estão em investigação.

Cinco casos confirmados hoje dizem respeito a crianças com idades entre 2-16 anos, 4 delas frequentam estabelecimentos de ensino nos concelhos do Funchal e Machico. Um caso diz

respeito a um adulto com atividade profissional no mesmo estabelecimento de ensino do concelho de Machico. Os planos de contingência dos referidos estabelecimentos estão ativos e

a investigação epidemiológica está em curso.

No total, há 136 novas situações que se encontram hoje em estudo pelas autoridades de saúde, 8 provenientes da operação de rastreio do aeroporto da Madeira e 128 relacionadas com

contactos com casos positivos, situações reportadas à linha SRS24 ou pelo SESARAM. Investigações epidemiológicas estão em curso.

Há mais 14 casos recuperados a reportar. A região passa a contabilizar 630 casos

recuperados de COVID-19.

Até à data, foram registados 2 óbitos associados à COVID-19 na RAM. São 226 os casos ativos, dos quais 42 são casos importados identificados no contexto das

atividades de vigilância implementadas no Aeroporto da Madeira e 184 são casos de transmissão local. Relativamente à residência dos casos ativos, 28 são não-residentes e 198 são residentes na

RAM.

Relativamente ao isolamento dos casos ativos, 27 pessoas cumprem isolamento numa unidade hoteleira dedicada, 190 em alojamento próprio e 9 pessoas encontram-se internadas, todos na Unidade Polivalente dedicada à COVID-19.

Wuanto à vigilância ativa de contactos de casos positivos, 1259 pessoas estão a ser

acompanhadas pelas autoridades de saúde dos vários concelhos da Madeira e no Porto Santo.

No que respeita a vigilância de viajantes, 6252 pessoas estão também a ser acompanhadas pelas autoridades, com recurso à aplicação MadeiraSafe.

saúde



8 visualizações