Buscar
  • Henrique Correia

José Manuel Rodrigues não quer ninguém nas margens da nossa comunidade



Mensagem de Natal do presidente da Assembleia incide na união, na partilha e no cumprimento das regras em cotexto Covid-19


"É verdade que estamos distantes, mas temos cada vez de estar mais próximos neste espírito de entreajuda para que ninguém fique nas margens da nossa comunidade". Esta foi uma das afirmações do presidente da Assembleia Regional, hoje, na mensagem de Natal publicada nas plataformas digitais do Parlamento.

José Manuel Rodrigues lembra que "vivemos tempos especialmente difíceis com esta pandemia sanitária e com as suas consequências económicas e sociais. Este será com certeza um Natal diferente, com menos intensidade nos festejos, com menos convívios com amigos e familiares, mas também é uma oportunidade para voltarmos às origens, para regressarmos à essência do Natal, para redescobrirmos o verdadeiro significado da mensagem do nascimento de Jesus há dois mil anos. Uma mensagem de Paz, de concórdia, de partilha, de solidariedade, de entreajuda entre todos; afinal aquilo que estamos a precisar neste momento, quando tantos perderam o emprego, quando empresários tiveram que fechar os seus negócios, quando muitos trabalhadores estão com salários em atraso, quando as famílias perderam rendimentos, havendo também o empobrecimento da classe média, um crescimento da pobreza e da exclusão social".

O líder do Parlamento aponta a necessidade de união, de partilha e de solidariedade para podermos recuperar nos próximos meses a nossa economia, criar emprego e também “coser o nosso tecido social”, evitando que alguém fique para trás ou seja descartado na nossa sociedade.

E terminou com um apelo: "Que possamos comemorar com alegria, com sentido de esperança esta quadra, mas que o façamos com comedimento e respeitando as distâncias de segurança".

6 visualizações