Buscar
  • Henrique Correia

JPP "pegou" em 9 euros e foi à Ponta do Sol tapar um buraco


"O que se passou foi causado pela tal empresa, no entanto, e como sendo uma estrada a cargo do município, cabe à Câmara fiscalizar, tentar encontrar uma solução".


O buraco estava aberto há um ano.


O JPP foi à Ponta do Sol resolver um buraco que estava aberto há dois anos, da responsabilidade de uma empresa. Os munícipes reclamaram, a Câmara argunentou que não tem responsabilidade no assunto e disse para colocarem o problema por escrito. O JPP foi lá com vários elementos, dois sacos de areia e um de cimento e o buraco já está tapado. Assunto resolvido com 9 euros.

O JPP diz ser verdade que "o que se passou foi causado pela tal empresa, no entanto, e como sendo uma estrada a cargo do município, cabe à Câmara fiscalizar, tentar encontrar uma solução ou ajudar os munícipes nesse sentido, junto da empresa".

O Juntos Pelo Povo refere "é bem mais fácil “sacudir a água do capote”. A situação chegou até nós e fizemos uma experiência. Juntamos alguns elementos do JPP e, em 60 minutos, com duas sacas de areia e uma de cimento (ambas totalizando o custo de 9 euros), tapamos o buraco".

O partido refere que "a Câmara, com tanta poupança nos últimos anos, não teve capacidade financeira para tapar um buraco com um investimento tão baixo, para não falar em não apoiar os locais a darem voz junto da empresa (no mínimo). A falta de capacidade, visão e apoio aos conterrâneos, mesmo em situações simples e mínimas, é frequente e só demonstra que esta equipa presidencial está muito aquém das reais necessidades da população ponta-solense".


15 visualizações