Buscar
  • Henrique Correia

Lobo Marinho pode retomar a 1 de março; embarque só com teste feito mas há exceções



Os viajantes devem proceder ao agendamento para a realização do teste PCR de despiste da infeção por SARS-CoV-2 junto da Unidade de Emergência e Saúde Pública. Sem custos



As ligações marítimas entre as ilhas da Madeira e do Porto Santo, efetuadas pelo navio Lobo Marinho, poderão ser retomadas no dia 1 de março de 2021, revelou hoje o Governo Regional, recordando que até 15 de março "os passageiros que embarquem no Porto do Funchal com destino à Ilha do Porto Santo devem ser portadores do teste PCR de despiste da infeção por SARS-CoV-2, com resultado negativo, realizado no período máximo de 72 horas anteriores ao embarque.

As exceções são:

a) Crianças até aos onze anos de idade;

b) Viajantes que sejam residentes na Ilha do Porto Santo e que regressem à Ilha dentro do prazo dos sete dias, uma vez que farão teste PCR no 5º dia após o desembarque, garantindo até lá o seu isolamento profilático;

c) Viajantes que estejam munidos de documento médico, emitido nos últimos 90 dias, que certifique estarem recuperados da doença COVID-19, ou de documento que ateste terem sido vacinados contra a COVID-19.

Os viajantes devem proceder ao agendamento para a realização do teste PCR de despiste da infeção por SARS-CoV-2 junto da Unidade de Emergência e Saúde Pública, com a antecedência mínima de 4 dias (96 horas), através do seguinte e-mail: saudepublica.drs@madeira.gov.pt. A realização do teste PCR de despiste da infeção por SARS-CoV-2 não comporta quaisquer encargos para o viajante.

9 visualizações