Buscar
  • Henrique Correia

Lopes da Fonseca aponta inércia do PS que obriga a pagar passagens a 500 euros


Élvio Sousa lembra a Calado que a ACIF também já defendeu a descida do IVA da restauração



Lopes da Fonseca lança acusações ao PS

Élvio Sousa defende baixa do IVA, Calado diz que é mais um encargo no Orçamento


Lopes da Fonseca, deputado do CDS na Assembleia Regional, acusou o Partido Socialista de inércia na alteração da lei que iria permitir, aos madeirenses residentes o pagamento de apenas 86 euros pelas passagens aéreas com o continente.

Uma inércia que m, segundo o parlamentar do partido parceiro de coligação no Governo Regional, obriga os madeirenses a pagarem passagens a 400, 500 e mais euros.

"Era este um Orçamento do PS?"

Já o deputado do JPP Élvio Sousa relembrou a Pedro Calado que só o Governo Regional é que não defende a baixa do IVA, trazendo à discussão uma posição recente da ACIF que defende a redução desse imposto para a restauração.

Recorde-se que o partido Juntos Pelo Povo defende a redução do IVA, proposta que Calado rejeita alegando que isso acarretava um encargo acrescido de 24 milhões e que o Orçamento já cintemplava todas as áreas.

6 visualizações