Buscar
  • Henrique Correia

Madeira com estudos prévios para o futuro prolongamento da Pontinha em 400 metros.

Miguel Albuquerque defendeu tratar-se de um projeto significativo para a Região e em particular para o Funchal.






O cais 6 do porto do Funchal conta, a partir de hoje, com uma nova gare de apoio ao tráfego de passageiros proveniente dos navios de cruzeiro, que atracam no cais norte do porto. O presidente do Governo Regional visitou o novo edifício, localizado a poente da praça CR7, tendo, na ocasião, louvado a obra da APRAM – Administração dos Portos da Região Autónoma da Madeira pela conclusão, em tempo recorde, daquela obra “imprescindível à melhoria da operacionalidade, qualidade e oferta” do porto de cruzeiros do Funchal, refere uma nota publicada nas plataformas digitais do Governo.

“O mercado de cruzeiros é um mercado fundamental, onde temos que continuar a apostar, garantindo a qualidade da nossa oferta, a segurança e a operacionalidade”, disse o Chefe de Governo.

E, nesse sentido, Miguel Albuquerque, recordou, não só o investimento realizado já no ano passado, aproveitando “o infortúnio da pandemia”, para efetuar a reposição dos tetrápodes ao longo de toda a muralha exterior da Pontinha e a substituição dos cabeços de amarração, como também avançou que o Governo Regional deu início aos estudos prévios, tendo em vista o futuro prolongamento da Pontinha em 400 metros.

O líder do Executivo defendeu tratar-se de um projeto significativo para a Região e em particular para o Funchal, em termos de atividade económica, mas também a nível da própria proteção da cidade.


3 visualizações