Buscar
  • Henrique Correia

Madeira entre os dez destinos preferidos pelos nómadas digitais


Rui Barreto sublinhou o sucesso do projeto que já trouxe à Região mais de 700 trabalhadores remotos.


O secretário regional da Economia reconheceu hoje que a boa internet é um dos fatores determinantes para os trabalhadores remotos que começaram a chegar à Região, no início do ano, atraídos pelo projeto-piloto ‘Digital Nomads Madeira Island’. O governante encontra-se na ilha do Porto Santo onde inaugurou hoje a nova loja da MEO, refere uma informação publicada na plataforma digital do Governo.

“Nós conseguimos colocar a Região como um dos dez destinos preferenciais da Europa para nómadas digitais”, destacou, sublinhado que além da internet, o clima que a Madeira e o Porto Santo oferecem, mas também pelo sentimento de pertença à comunidade influenciam na hora de escolher.

O secretário regional sublinhou o sucesso do projeto que já trouxe à Região mais de 700 trabalhadores remotos, estando atualmente mais de 7.000 inscritos na plataforma da StartUp Madeira. “Nós não os queremos só na Madeira, também os queremos aqui no Porto Santo”, afirmou.

4 visualizações

Posts recentes

Ver tudo