Buscar
  • Henrique Correia

Madeira insiste que Lisboa não está a cumprir no subsídio de mobilidade



Albuquerque leva ao Parlamento os temas pendentes com Lisboa e que não têm solução à vista.




O Governo está no debate mensal na Assembleia Regional. O tema é a relação com a República, a responsabilidades do Estado para com a Região. E o resultado não podia ser de elogios em função do histórico rol de pendências sobre vários assuntos, entre eles as contas do novo Hospital, a regulamentação do subsídio de mobilidade aérea e marítima, o ferry, para falar em alguns.

"O presidente do Governo Regional diz que a República não está a cumprir com a Constituição e exige da parte de Lisboa os apoios constitucionais a que está obrigada. Acusou ainda o Governo nacional de tentar com que seja a Europa a assumir responsabilidades com as ilhas que deveriam ser dele", refere uma informação publicada pelo Governo nas plataformas digitais.

Miguel Albuquerque abordou o tema novo hospital, mas falou também do impasse sobre os subsistemas de saúde das polícias e das Forças Armadas. E o passe sub-23 que continua sem ser alargado às ilhas.

O líder do Executivo Regional lembrou ainda o subsídio de mobilidade aérea que está para resolver e voltou a defender a necessidade de se rever a Lei das Finanças Regionais.

12 visualizações

Posts recentes

Ver tudo