Buscar
  • Henrique Correia

Madeira registou em Janeiro 66% dos casos notificados, média nacional foi de 57,4%


Peso de janeiro nos óbitos foi de 69%. Santana desce para risco moderado



O mês de janeiro, que hoje termina, é o pior mês desde o início da pandemia Covid-19 para a Madeira, registando 66% do total de casos notificados na Região, com a média nacional a situar-se nos 57,4%, relativamente ao peso de janeiro na totalidade dos positivos.

Foi um mês com 31 mortos reportados na Região, desde 31 de dezembro e até 31 de janeiro. Uma percentagem de 69%, sendo a média nacional de 55,3%.

Em termos de concelhos, Santana desce a risco moderado, onde agora estão quatro concelhos. Câmara de Lobos mantém-se no risco extremamente elevado, registando hoje mais 30 casos, o segundo concelho depois do Funchal com 33 casos verificados neste domingo.

O terceiro concelho em casos, hoje, foi Santa Cruz com 26 casos, seguindo-se Machico (2), Ribeira Brava (1), Calheta (1) e São Vicente (1).

Ponta do Sol, Porto Santo, São Vicente e Calheta não registaram casos hoje.

6 visualizações