Buscar
  • Henrique Correia

Marcelo diz que está a ser estudada a possibilidade do voto dos idosos ser feito nos lares



A CNE pediu que os lares se organizassem para pemitir, aos idosos, o voto a 24. Logo surgiram dúvidas: não podem receber visitas e podem ir aos votos? Marcelo vem agora avançar com a possibilidade de uma solução


O recandidato Marcelo Rebelo de Sousa , numa das entrevistas de pré campanha para as presidenciais de 24 de janeiro, anunciou estar a ser estudada a possibilidade de permitir aos utentes dos lares votarem sem envolver deslocação às urnas.

Esta situação estava a ser questionada em função das restrições que têm impedido os familiares de visitarem os seus familiares nos lares, sendo incompreensível o apelo da Comissão Nacional de Eleições no sentido de os lares organizarem a deslocação dos idosos às mesas de voto.

A questão agravou-se com a possibilidade do País entrar em confinamento, de 15 dias, abrangendo as eleições, sendo que no dia 24, porque a lei permite, seria dia de desconfinamento para o voto. Uma realidade que está a ser muito contestada.

Com esta deslocação das urnas aos lares, abre-se uma solução para todas estas dúvidas.

1 visualização