Buscar
  • Henrique Correia

Miguel Albuquerque diz que regras são para cumprir: "Não é uma brincadeira"


Presidente do Governo espera que seja declarado o estado de calamidade que dá cobertura legal às restrições de circulação



As declarações do presidente do Governo foram feitas à margem da inauguração de um arruamento no Campanário


O presidente do Governo Regional disse hoje que as regras estabelecidas na Região são para cumprir, respondendo assim a algumas críticas de empresários da restauração, relativamente ao limite imposto de cinco pessoas por mesa. Albuquerque diz que as medidas são tomadas com base no parecer da Autoridade de Saúde e as pessoas devem adaptar-se. "Isto não é uma brincadeira, nem um jogo".

Miguel Albuquerque disse, ainda, esperar que o Governo da República estabeleça o estado de calamidade, no qual há cobertura legal para as restrições à circulação.

10 visualizações