Buscar
  • Henrique Correia

Moustafa Benshi: novo verde-rubro é refugiado sírio e brilha na Suécia onde é "Mickey"


Jovem jogador já esteve na Madeira


O Diário de Notícias, pela pena (competente) de Emanuel Rosa, revelou que Moustafa Benshi será jogador do Marítimo a partir de Janeiro próximo.

Mas, quem é Moustafa Benshi? Trata-se de um jovem de 18 anos, à beira de completar 19, proveniente do Kalmar, da I Divisão da Suécia. Ponta-de-lança que joga preferencialmente com o pé esquerdo.

Mas Benshi tem uma história de vida curiosa e com momentos dramáticos, antes de chegar ao estrelato no futebol, e também no futsal, assumindo-se como um dos mais jovens promissores a viver em território sueco.

Natural da Síria, pouco depois de completar 10 anos de idade fugiu, juntamente com a família mais próxima, do seu país natal devido à guerra - "Foi terrível, vi muitos mortos..." -, assumindo-se como refugiado na Turquia, país para o qual os Benshi seguiram e onde estiveram três anos. No último dos quais o jovem foi obrigado a trabalhar numa fábrica têxtil turca com os pais e os seus cinco irmãos, até que conseguiram viajar para a Suécia. "Não tínhamos dinheiro, tive que trabalhar", relatou anos mais tarde já quando os seus predicados futebolísticos o tornavam notado. Primeiro no Kalmar Södra e depois no mais conceituado Kalmar FF. Foi aí que ganhou a alcunha de Mickey e o seu talento foi reconhecido, sendo observado por alguns grandes clubes europeus. Participou num torneio em Barcelona, visitou o Real Madrid e... em Novembro veio à Madeira. Guiado por um empresário madeirense, conheceu as instalações do Marítimo aonde regressará em Janeiro.

9 visualizações