Buscar
  • henriquecorreia196

O padre Alexandre "dedicou uma vida inteira a pugnar pela justiça social na Venezuela"


O PS-M diz que "com a sua partida, a nossa diáspora fica, inevitavelmente, mais pobre" e endereça "as mais sentidas condolências aos seus familiares".




O Partido Socialista-Madeira emitiu esta manhã um comunicado onde "manifesta o seu mais profundo pesar pelo falecimento do padre Alexandre Mendonça, diretor da Missão Católica Portuguesa em Caracas".

Os socialistas apontam que "o padre Alexandre Mendonça deixa uma marca inapagável junto das comunidades portuguesas e madeirenses na Venezuela, país para o qual emigrou há mais de 50 anos e onde desenvolveu uma notável obra social.

Para além do trabalho inerente à Igreja Católica, que desempenhou ao longo de todos estes anos, o padre Alexandre Mendonça dedicou uma vida inteira a pugnar pela justiça social naquele país, particularmente em prol das nossas comunidades. Homem de causas, pautou sempre a sua ação pela defesa da solidariedade, pelo combate à pobreza e pela luta contra a insegurança que atinge a Venezuela.

Com a sua partida, a nossa diáspora fica, inevitavelmente, mais pobre.

Neste momento de dor, o PS-Madeira enaltece a postura que o padre Alexandre Mendonça sempre assumiu e o trabalho por si desenvolvido, endereçando as mais sentidas condolências aos seus familiares, amigos e, particularmente, a toda a comunidade portuguesa e madeirense radicada na Venezuela.

2 visualizações