top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

Oposição quer ter voz no Dia do Porto Santo e quer moinhos de volta à ilha



"Há meses que os moinhos foram para a Madeira para serem reparados e já deveriam ter regressado ao Porto Santo".





O vereador socialista no município do Porto Santo, Miguel Brito, reivindicou perante o Executivo PSD-CDS liderado por Nuno Batista o direito da oposição ao uso da palavra nas comemorações do Dia do Concelho, que a 24 de junho completa 188 anos.

Ao intervir esta manhã na reunião de câmara, Miguel Brito enfatizou ser “a vontade popular” que este ano, “ao contrário do anterior, quando não houve qualquer abertura para tal, seja dada voz nas comemorações do aniversário do Porto Santo aos também legítimos representantes do povo, ou seja, aos partidos da oposição”.

Segundo Miguel Brito, os vereadores do PS abordaram também a questão dos moinhos de vento na reunião de hoje.

“Há meses que os moinhos foram para a Madeira para serem reparados e já deveriam ter regressado ao Porto Santo, garantindo aos turistas um acesso com dignidade ao património cultural porto-santense, já este verão”, pontualizou.


1 visualização

Comments


bottom of page