top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

PAN leva listas de espera e medicina preventiva à Ordem dos Médicos



O envelhecimento da população contribui para o aparecimento de novos problemas de saúde.





Assuntos como a medicina preventiva, médico de família, listas de espera, sustentabilidade dos equipamentos tecnológicos, recursos humanos atuais e futuros e sustentabilidade económica do sistema de saúde foram temas abordados pelo PAN Madeira numa reunião com o Conselho Médico da Região Autónoma da Madeira da Ordem dos Médicos.

O PAN considera que o envelhecimento demográfico é hoje um dos grandes problemas que a nossa Região enfrenta, com um crescente aumento da proporção de pessoas idosas e um decréscimo do peso relativo de jovens e de pessoas em idade ativa na população total, o que causa distorções no rácio médico/ utente. O envelhecimento da população contribui para o aparecimento de novos problemas de saúde, assumindo as doenças crónicas um peso crescente. Atualmente a incidência e prevalência destas doenças é condicionada por fatores de risco individuais e sociais, dos quais se destacam o excesso de peso, os hábitos alimentares inadequados, o sedentarismo, o tabagismo, o alcoolismo, o consumo de drogas ou o stress. Estes fatores colocam uma enorme pressão sobre o sector da saúde, situação que se agravará, sendo por isso necessário garantir que o Serviço Regional de Saúde esteja preparado para responder a estes desafios.

O PAN defende que a resposta a esta problemática passa pela implementação de políticas de prevenção da doença e de promoção da saúde e vida saudável. Porém considera o PAN “que estas têm assumido um carácter secundário no Serviço Regional de Saúde, consequência da concentração quase exclusiva de todos os meios e recursos no tratamento da doença”, o que tem como consequência o facto de as despesas na prevenção representarem valores residuais no valor total da despesa total em saúde.

7 visualizações

Comments


bottom of page