top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

Pedro Coelho critica incúria do Governo da República na linha aérea do Porto Santo


"Uma falta de compromisso que prejudica, gravemente, os Porto-Santenses no seu direito à mobilidade".





“Queremos reforçar a voz dos Porto-Santenses na República”. Foi assim que o candidato cabeça-de-lista da coligação "Madeira Primeiro" assumiu a defesa dos interesses da ilha dourada.

Pedro Coelho criticou “a incúria, a irresponsabilidade e a falta de respeito” que o Governo da República tem tido para com a população do Porto Santo, relativamente à operação da linha aérea, sobreto facto de assistirmos a mais uma prorrogação até 22 de abril, ao invés de assumir, conforme já por diversas vezes prometeu, uma solução estável e a médio prazo para esta ligação inter-ilhas.

"Uma falta de compromisso que prejudica, gravemente, os Porto-Santenses no seu direito à mobilidade, mas, também, a estabilidade do setor turístico e o desenvolvimento que é desejável à economia local e que é inadmissível, até porque “não podemos viver de sucessivas prorrogações deste contrato”, tanto mais quando, por mais prorrogações que se façam, a verdade é só uma: é impossível marcar viagens aéreas para o Porto Santo em maio, junho ou na época do Verão".


2 visualizações

Comments


bottom of page