Buscar
  • Henrique Correia

Prada lança apelo a toda a "linha" do PSD-Madeira: "Saibam ouvir a população"

"Temos de estar preparados para vencer em 2021 e essa vitória também depende da nossa capacidade de adaptação às novas realidades"


O secretário-geral do PSD Madeira, José Prada, lançou hoje um apelo a todos os que irão estar envolvidos na máquina social democrata no combate em 2021, nas autárquicas mais precisamente. Sem exceção – nos seus diferentes papéis, mas, particularmente, no terreno – "para que saibam ouvir a população, estar presentes e defender, em todas as circunstâncias, aqueles que são os interesses da população, num trabalho que é fundamental para a vitória em 2021". Esta mensagem de Prada vem na sequência de uma mobilização que o PSD-M pretende forte para um desafio de recuperação do poder local, consciente das dificuldades depois de um processo gradual de perda de peso nas autarquias, traduzindo-se na passagem de várias câmaras para a oposição, designadamente Funchal, Ponta do Sol, Santa Cruz, Machico, Porto Moniz, Santana, Ribeira Brava e São Vicente  PSD mesmo, só Câmara de Lobos, Calheta e Porto Santo.

Por tudo isso, não é de estranhar os objetivos: “Temos de estar preparados para vencer em 2021 e essa vitória também depende da nossa capacidade de adaptação às novas realidades e às exigências do nosso eleitorado”, disse Prada  este sábado, na abertura da formação autárquica que percorrerá as dez freguesias do concelho do Funchal, até ao final do mês de outubro, tendo por objetivo "dotar as Comissões Políticas de Freguesia e todos os militantes e simpatizantes do Partido que integram as campanhas eleitorais, de novas competências, pessoais e profissionais".

O secretário-geral social democrata lembra que "o PSD é um partido vencedor há mais de quarenta anos e que essa resistência está diretamente associada à forma como os militantes encararam e souberam fazer parte das transformações". 

7 visualizações