top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

PS Funchal diz que a cidade está mais suja e perigosa



É inadmissível que “nas zonas altas do Funchal, como também nas zonas mais turísticas, falhem sistematicamente as ações de recolha de lixo.




A concelhia do PS-Funchal repudiou “a estratégia de publicidade enganosa” desenvolvida por Pedro Calado para “entreter os funchalenses com festas enquanto negligencia o verdadeiro desenvolvimento da cidade e a promoção da qualidade de vida dos munícipes”.

Na sequência de uma reunião da Comissão Política realizada ontem, a presidente desta estrutura socialista, Isabel Garcês, apontou baterias contra “atos de pura campanha e promoção da imagem de Pedro Calado, sem consequências no quotidiano dos cidadãos”.

“Verificamos que Pedro Calado surge frequentemente nas páginas dos jornais, mas as pessoas sentem que a cidade está mais suja, mais perigosa e sem medidas estruturantes que permitam a retomar o rumo deixado em 2021”, referiu a dirigente socialista, considerando inadmissível que “nas zonas altas do Funchal, como também nas zonas mais turísticas, falhem sistematicamente as ações de recolha de lixo, que só são acionadas quando há visitas programadas e após persistentes alertas dos autarcas do PS”.

Ao sublinhar que a capital madeirense detém atualmente “um dos piores indicadores do País em matéria de insegurança”, Isabel Garcês lembrou também “a grande percentagem de reincidência de toxicodependentes já tratados”.

“Esta penosa situação continua todos os dias a agravar-se sem que se consiga reabilitar quem, infelizmente, está nos consumos”, lamentou, responsabilizando a coligação de direita PSD/CDS-PP pelo bloqueio de uma resposta atempada e alternativa às questões da insegurança ao ter reprovado a criação na capital da Madeira de uma Polícia Municipal, proposta pelo anterior Executivo camarário.

1 visualização

Комментарии


bottom of page