top of page
Buscar
  • Foto do escritorHenrique Correia

Relatório sobre declarações de Sérgio Marques debatido a 9 de maio



Os parlamentares ouviram os empresários Avelino Farinha, do Grupo AFA, e Luís Miguel de Sousa, e também Sérgio Marques, o autor das declarações que deram origem ao inquérito. Já o Presidente do Governo Regional respondeu por escrito.




Não será muito difícil de prever os resultados da comissão parlamentar de inquérito às declarações do antigo secretário regional Sérgio Marques no sentido de eventual favorecimento do Governo empresários e "obras inventadas". O antigo governante fez as afirmações ao DN Lisboa mas chegou ao parlamento e disse terem sido opiniões. Os empresários Avelino Farinha e Luís Miguel Sousa também saíram por cima no meio de questões previsíveis e pouco incisivas e fundamentadas. Miguel Albuquerque respondeu por escrito e o que se soube, das respostas, foi pelos jornais.

A verdade é que a Assembleia anunciou hoje que o relatório vai ser analisado no próximo dia 9 de maio, pelas 14h30.

Estão assim “concluídos os trabalhos da comissão, uma vez que já estavam entregues a todos os membros da comissão os documentos que tinham sido solicitados”, explicou Adolfo Brazão presidente do grupo de trabalho da Assembleia Legislativa da Madeira.

A comissão de inquérito é presidida por Adolfo Brazão, deputado do PSD, tem como relatora Clara Tiago, do PSD, o vice-presidente é Rui Caetano, deputado do PS, e o secretário deste grupo de trabalho é Victor Freitas, deputado do PS.

3 visualizações

コメント


bottom of page